Feriado de Santa Edwiges

Feriado de Santa Edwiges, Freio de Ouro 2011, é uma verdadeira jóia genética, tem qualidade funcional para vencer um Freio de Ouro antes de completar cinco anos de idade e tem beleza para sair sempre entre os primeiros da morfologia. Seu sangue é aberto para Hornero, Taco, Etribillo, Rigolemu e Aniversário.

Seu pai, o registro de mérito Rodopio de Santa Edwiges foi grande campeão de Pelotas e quatro vezes finalista do Freio de Ouro. É o pai da Freio de Ouro 2007, Bonita de Santa Edwiges. Sua avó paterna, Huifquenco Tranquilla é uma recordista no universo crioulista. Produziu cinco filhos finalistas do Freio de Ouro. Entre estes filhos estão Punhalada de Santa Edwiges, Freio de Ouro 98 e Orquestra de Santa Edwiges, Freio de Bronze 97. Tañido Redoblado, seu avô paterno, é um garanhão de exceção na raça Crioula. É dos raríssimos animais que produziu três vencedores do Freio de Ouro, dois de Prata e diversos outros finalistas.

Sua mãe, Víbora de Santa Edwiges, tem uma sucessão de pais comprovados funcionalmente como Sin Suerte, pai da Freio de Ouro 94 J A Namorada; J A Cartucho, pai de dois vencedores do Freio de Ouro 96 e 2001, J A Paloma e Don Carrasco do Purunã; e o Registro de Mérito na Argentina Chalia Cardal.